Amorizade

Amor + Amizade – Termo de Luandino Vieira

os raros melhores amigos… 02/03/2009

Filed under: amizade — jacky @ 4:53 pm

As pessoas povoam a nossa vida como os malmequeres crescem nos campos. Algumas passam e não reparamos nelas. Outras destacam-se por qualquer motivo. Várias se tornam amigas. Raramente, uma ou duas pessoas se tornam as melhores amigas.

O melhor amigo como os simples amigos tem afinidades connosco, tem gostos em comum, tem qualidades e defeitos mútuos, ri-se e chora connosco, ouve-nos nos dias maus e conta-nos o que lhe apetecer, liga-nos sempre que pode e atende-nos sempre que pode, mas a diferença entre o simples e o melhor está aqui: sabemos que onde quer que se encontre, a que fuso horário estiver, a fazer o que calhar, podemos contar com ele. Sabemos que conhece o melhor de nós, mas que também conhece o pior, e mesmo assim não desiste de nós…

O amigo novo é mais fácil de guardar porque podemos esconder-lhe os dias negros da nossa existência e apenas mostrar o que temos de bom. Podemos criar uma espécie de super eu para o amigo novo, como se fóssemos um livro ao qual arrancámos as páginas de passado e mostramos apenas as páginas novas que queremos ser no futuro. Passamos a ser um livro estranho, com uma lombada mole, com folhas que se podem soltar porque estão descosidas do seu próprio passado. Um dia, as folhas arrancadas podem ser encontradas por acaso pelo amigo novo… Será que o conseguiremos manter quando descobrir que omitimos uma grande parte de nós? Talvez sim, talvez não…

Os raros melhores amigos com os quais temos o privilégio de partilhar a nossa vida são demasiado preciosos para podermos ser ingratos com eles, para os negligenciarmos, para os pormos de parte e o que mais quero na vida é que isso nunca me aconteça. Deus queira que eu saiba sempre estimar os meus raros melhores amigos…

E tu, já estimaste os teus raros melhores amigos hoje?

 

11 Responses to “os raros melhores amigos…”

  1. fairyGi Says:

    Não podia concordar mais contigo!
    Neste camp de malmequeres, às vezes tentamos agarrar algumas flores que já floriram tanto para nós, mas que agora se mantenhem distantes! Quem sabe numa volta da roda da vida, voltem a florescer!!!

    Mil beijinhos

  2. dina Says:

    é o que te digo, eu não tenho um campo de malmequeres de amigos, mas também acho que isso só serviria para distrair
    prefiro ter uma árvore, bem pequena, que demora a crescer porque as folhas (os amigos) não caiem😀
    bjinhos

  3. Paula Tinoco Says:

    Querida amiga,

    Raros melhores amigos! É realmente uma verdade que se aplica a ti.

    Raros melhores amigos é saber, ( sem mais explicações):

    QUERO A MINHA CRUZ;

    Diamante na ponta;

    Mudança de oleo;

    Noite ( muito…!!! ) deitada num banco de madeira;

    E muito ,muito mais…!

    É conhecer a menina , a jovem e a mulher….e estar sempre disponível.

    São vivências unicas , intransmitiveis e que não se contam pois ninguém entende como nós ou percebe realmente o maravilhoso ou triste, que na realidade foi!

    É um saber, quase que intrinseco, da realidade do outro.

    É ter algumas coisas em comum e outras tantas, tão diferentes.

    É estar presente, físicamente ou não, mas saber que na verdade está sempre LÁ.

    Bj

  4. Paula Tinoco Says:

    Ops!!

    Correcção :
    Intransmissível

    Bj

  5. sunrise Says:

    Gostei muito desta reflexão, que reflecte aquilo que sinto por ti no aspecto de seres uma boa rara amiga.
    Temos muita coisa em comum mas também outras completamente ao contrário. Mas ser-se amigo é isso mesmo é podermos também ser diferentes e o outro aceitar-nos e respeitar-nos tal como somos.
    No meio desse campo que é a vida, há por aí muita erva daninha disfarçada de inocente malmequer. Muitos desses são os novos amigos de que falas, esses que escondem algumas páginas mais escuras e tentam “começar do zero” com quem não os conhece. Só que eu acredito que a maior parte das vezes, mais tarde ou mais cedo, o vento traz ao de cima essas páginas e bem legíveis!
    Infelizmente sei o que isso é porque já levei com páginas dessas bem na cara quando nunca pensei que existissem. Espero que não te tenha acontecido o mesmo porque é tão mais doloroso quanto mais gostares da pessoa.
    Enfim, tu és um malmequer que quer ser girassol e consegue!
    Beijoca

  6. Liliana Says:

    Adorei este post… É verdade, não há nada como os nossos raros melhores amigos. Sabemos que podemos contar com ele onde quer que estejamos, estejamos como estivermos…

    Excelente Blogue. Hei-de passar por aqui mais vezes🙂

  7. Diogo Says:

    Olá😀
    Como se ultrapassa a perda de um melhor amigo???
    Eu tinha 10 melhores amigos e desde á um ano para cá que já não sei nada sobre eles, simplesmente se afastaram. Quais os motivos? não sei responder, mas o mais provável é que tenha sido a distância e o facto de não conviver com eles diariamente. acho que isto não é desculpa para o afastamento, mas é a realidade e aconteceu mesmo.

    Eu não tenho “melhores amigos” já há um ano, por isso, não estimulei os meus melhores amigos ainda. Tenho procurado pessoas que sejam realmente verdadeiras e que estejam sempre comigo em qualquer situação (como foi dito no post da nossa colega), isso sim é que são amigos verdadeiros. Infelizmente cada vez existe menos pessoas assim. -.-

    Beijinhos,

    Quina.

  8. Eu adorei todos os comentarios.

  9. zandy Says:

    boas
    vou responder ah tua pergunta, mas no fundo procuro um a opiniao de alguem que me possa ajudar….
    estimeios bem, fiz de tudo para nao ser esquecido, dei o melhor que pode em termos de confianca e tudo mais para ter uma amizade bem proxima desta pessoa….
    mas aconteceu algo e nem sei porque, parou.me de falar, teve algumas acçoes que me feriram bastante e ate hoje ainda nao me derigiu uma unica palavra, nao sei que mal fiz ja lhe perguntei e ela respondeu.me que eu nao iria preceber…….
    preciso de algum concelho, ou algo que alivie o meu sentimento de culpa pois mesmo sabendo que nada fiz, sinto.me culpado…

    obrigado.

  10. Robert silva Says:

    É tam bom ter um melhor amigo com quem a gente pode desabafar e conversa.
    compartilhar as nossas vidas juntos.


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s