Amorizade

Amor + Amizade – Termo de Luandino Vieira

TPC II 14/01/2007

Filed under: educação — jacky @ 1:07 pm

Nunca pensei que um pedido aos professores para que fossem mais razoáveis na marcação de deveres de um dia para o outro, motivasse respostas deste género.

Lamento principalmente a conclusão em que diz: « (…) E, já agora, eu, que sou naturalmente pelo sim à interrupção voluntária da gravidez, também seria pelo sim à laqueação de trompas de certas mães e à vasectomia de certos pais.»

Vou continuar a escrever sobre os TPC e dar exemplos concretos de TPC completamente descabidos e já agora de outros que são realmente potenciadores de aprendizagens significativas porque o debate de ideias só pode ser benéfico e desafio a todos os que passam por aqui que escrevam sobre este tema para criticarem o que acham errado e darem sugestões daquilo que se poderia fazer para melhorar os TPC e o ensino em Portugal.

Anúncios
 

5 Responses to “TPC II”

  1. sunrise Says:

    …………..que vómito……………..
    Gostei do comentário que lhe deixaste! Toma e embrulha!

  2. cap Says:

    É uma associação muito leviana e nada consentânea com o resto do post.
    É do cansaço (vide post anterior), só pode…

  3. pandora Says:

    Os TPC, depois de um dia inteiro na escola são um verdadeiro massacre… sempre tentei que pelo menos passasse o fim de semana entre o pedir e o entregar. Sempre procurei que as actividades fossem engraçadas para que os miúdos até gostassem de fazer, mas de modo geral tinha apenas uma meia dúzia que fazia sempre e o resto da turma nada.
    Como mãe, enfim, o meu rapaz é anti-trabalho, seja ele qual for… por isso é chegar a casa e controlar td o que seja caderno pra ver se ele tem alguma coisa pra fazer e depois ajudar a fazer e sempre com muitos ralhos e confusões pq o mecito detesta a escola, quanto mais a escola em casa!
    A prof de Matemática fica a corrigir os TPC com eles no intervalo grande, e vá-se lá perceber pq, eles gostam e ficam de vontade… poucos mas ficam, o meu incluído, o que é um espanto pra mim. Acho que gostam da atenção. O que é muito mau é pedir e não ver se o aluno fez, não elogiar se está bem feito, não corrigir ou corrigir de forma impessoal. No entanto, como prof, reconheço que é dramático arranjar tempo pra ver todos os TPC com turmas de 25 e mais alunos. Por isso raramente mando.

  4. Eu acho um pouco anedótica a situação do ensino neste país. Os meninos passam de ano para ano com imensas disciplinas negativas, mas por outro lado levam carradas de tpcs para casa. Não percebo como é possível sobrecarregar crianças até aos 12 anos com toneladas de balelas de responsabilidade e tretas dessas se por outro lado os profs são obrigados a passá-los?!
    Mas realmente nem vale a pena atribuir culpa a quem quer que seja, porque ela não se divide entre pais ou professores ou miudos, mas quem introduz estes sistemas e normas no ensino.

    E em relação ao post da outra sra, é mais um típico caso de leio alhos e entendo bugalhos (ou o que me dá na real gana porque eu sei o que falo, estou no meio). Se formos a ver, as vossas ideias complementam-se, mas ele não teve a atitude mais correcta lá isso não teve.

  5. jacky Says:

    Sunrise e cap, eu e a elipse já conversámos e acho que ficou tudo bem resolvido.

    Contudo, vou continuar a falar sobre o tema dos TPC e vou querer a vossa participação como fizeram a Pandora e a invisible girl para que possamos trocar ideias e melhorar as práticas lectivas de todos nós 🙂


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s