Amorizade

Amor + Amizade – Termo de Luandino Vieira

Considerandos sobre o amor (7) 23/11/2005

Filed under: considerandos sobre o amor — jacky @ 8:45 am

(in) fidelidadeA fidelidade e a lealdade para com os outros não existe, de facto. Somos fieis e leais a nós mesmos e aos nossos valores. Somos fieis sempre, tanto com x como com y. Somos leais aos amigos, tanto masculinos como femininos. A fidelidade e a lealdade é, portanto, algo de muito pessoal e não depende assim tanto do outro como alguns pensam.

Porém, o conceito de fidelidade difere muito de pessoa para pessoa. Para alguns, é trair com o pensamento: desejar alguém intensamente. Para outros, é haver envolvimento amoroso. Para certas pessoas, é um envolvimento sexual. O que pensas sobre isso?

Anúncios
 

Considerandos sobre o amor (6) 22/11/2005

Filed under: considerandos sobre o amor — jacky @ 3:07 pm

Amor à primeira vista

Dois olhares se cruzam e subitamente um relâmpago vindo do céu rasga a opacidade de mais um dia cinzento. De repente, tudo se ilumina. Eram faróis apagados, isolados no meio da tempestade. Agora, dois faróis estão ligados um ao outro. Reconhecem-se. Mergulham os olhares para dentro das suas almas que se unem numa só. A atracção é simplesmente irresistível e o mundo renasceu a partir desse momento…

Contudo, nem sempre o amor à primeira vista é recíproco. Só um é agraciado ou amaldiçoado pelo fenónemo: agraciado, se o outro se deixar envolver pela luz; amaldiçoado abandonado(a) na tempestade…

Já te aconteceu alguma vez apaixonares-te ao primeiro olhar?

 

106. Derretido 21/11/2005

Filed under: haikus da jacky — jacky @ 11:30 pm

CV – Chocolate

Palavras ardentes
Sabem a chocolate
Derretido em ti…

jacky (21.11.2005)

 

Considerandos sobre o amor (5)

Filed under: considerandos sobre o amor — jacky @ 12:15 pm

Em busca do alter-ego…

Cada vez é mais difícil encontrarmos o nosso outro eu, aquele(a) que virá completar o que falta em nós. Talvez porque as pessoas, nos dias de hoje, investem demasiado no amor. Querem um outro perfeito e idealizado, cinzelado por nós ao longo de muitas noites de solidão…

O outro seria como o espelho da madrasta da Branca de Neve a quem perguntaríamos:
– Espelho meu, haverá alguém mais belo(a) e melhor do que eu?
Ao que o alter-ego responderia:
– Não, tu és o/a mais belo(a), o/a mais inteligente, o melhor ser humano que já conheci.
E assim ficaríamos felizes, com uma auto-estima renovada mais alta que um arranha-céus com janelas para as nuvens…

 

Considerandos sobre o amor (4) 20/11/2005

Filed under: considerandos sobre o amor — jacky @ 1:45 pm

Os psicanalistas dizem que o encontro amoroso acontece quando há o encaixe de duas neuroses.Freud dizia que só encontramos o que existe já no nosso inconsciente e Marcel Proust que no amor, só se encontra o que se imaginou primeiro…
Jean-George Lemaire que se debruçou sobre o encontro amoroso diz que é uma colisão inconsciente de duas neuroses complementares. Há alguém que entra em diálogo com a criança que érmoa, daí a ideia de familiaridade, de se conhecer o outro desde sempre.

Pode até ser uma explicação bastante verosímel mas acho-a duma falta de poeticidade atroz… E tu, que achas?

 

Considerandos sobre o amor (3) 19/11/2005

Filed under: considerandos sobre o amor — jacky @ 3:03 pm

Os cientistas dizem que o encontro amoroso é biológico. Sentimo-nos atraídos por alguém devido a sinais visuais, acústicos, olfactivos e hormonais que o outro nos transmite e que fazem rebentar com os nossos receptores…

Que dizer então destes amores que nasciam via correspondência antigamente ou dos que se criam graças à internet, hoje em dia, onde não há contacto físico?

 

Abecedário de Natal – letra G

Filed under: amorizade (blogspot) — jacky @ 9:51 am

G de Gaspar, um dos Reis Magos que veio visitar Jesus.
G de …